Todos os posts de

Bruna Venâncio

Schiaparelli

Passado e presente em Schiaparelli

Por | Moda | Sem comentários

A moda está sempre com os olhos atentos ao futuro. Por isso é sempre tão instigante, quando ela realiza o movimento inverso, de olhar para o passado, com o intuito de reinterpretá-lo, recriá-lo ou, em certa medida, revivê-lo. Um movimento que precisa ser levado cada dia mais em conta, já que, parafraseando Cazuza, o futuro está sempre repetindo o passado. No Outono-Inverno da Semana de Alta Costura de Paris 2017, Schiaparelli resgatou a coleção “Le Cirque”, lançada em 1938, só que, desta vez, com o nome (traduzido) “O Circo Solar ou Corpos Celestes”. Bertrand Guyon, atual criador da marca, retraduziu…

Leia mais

Omar Rosário: meio estilista, meio artista

Por | Moda | Sem comentários

Foi numa feira de moda, arte e cultura de São José do Rio Preto que eu conheci o Omar. Ainda não sei se foram as cores, os designs fora do comum ou as estampas originais que mais me chamaram a atenção. Mas, para quem estava buscando um trabalho genuíno, uma proposta nova, em relação ao que encontramos no mercado em termos de moda, a marca Omar Rosário caiu como uma luva.Há sempre o risco de cair em uma generalização grosseira, quando falamos sobre arte e moda. Mas é inegável que o Omar é, de fato, um artista. Apaixonado por fotografia,…

Leia mais

Ronaldo Fraga: a roupa como marca de humanidade

Por | Moda | Sem comentários

Além do tom político presente no desfile Re-existência, de Ronaldo Fraga, para o SPFW, há a questão da identidade. De acordo com o estilista, quando o refugiado deixa sua pátria, ele leva consigo suas roupas, talvez as únicas lembranças físicas de sua terra. As roupas, a pele que escolhemos para vestir diariamente, passam a significar lembranças de toda uma vida, raízes que, arrancadas da terra, irão acompanhar o refugiado em uma jornada de ressignificação e, apesar dos percalços, de reencontro consigo mesmo.Não é fácil a decisão de sair, sobretudo quando não existem perspectivas sobre o que se irá encontrar. Há…

Leia mais

O ballet do fim do mundo no desfile de Rick Owens

Por | Moda | Sem comentários

Existe todo um processo de transformação que acontece com quem faz ballet. O ballet exige que uma força descomunal seja aplicada de maneira aparentemente frágil. A bailarina aparentemente não faz o menor esforço para executar cada movimento, mas só ela sabe o quanto de força física é exigido para que tudo saia perfeito. Quando se passa a ter consciência dos movimentos e, consequentemente, do que é possível fazer com o próprio corpo, é porque a transformação começou a acontecer. Essa dinâmica de fraco e forte a gente também consegue enxergar perfeitamente nos desfiles de Rick Owens. O último que vi,…

Leia mais

A pele que usamos

Por | Moda, Sustentabilidade | Sem comentários

Esse texto nasceu da sorte de reler o “Livro do Desassossego”, do Fernando Pessoa, e de assistir ao “The True Cost“, quase que simultaneamente. Em um dos textos do livro, me vi diante da seguinte frase: “A renúncia é a libertação. Não querer é poder”. Antes de continuar a leitura, precisei parar um segundo, pois o Bernardo Soares (heterônimo do Pessoa) já começou desconstruindo ideias do senso comum tão difundidas – no caso, a de que querer é poder. Eu precisava digerir aquelas palavras. Depois veio o “The True Cost” mostrar as consequências de se querer cada vez mais coisas e que,…

Leia mais

Be Specific. Um recado de Vivienne Westwood

Por | Moda, Sustentabilidade | Sem comentários

“They were complacent”, disse Johnny Rotten do Sex Pistols, quando perguntaram porque os hippies eram inimigos. O punk rock, movimento que Vivienne Westwood, de certa forma, ajudou a conceber, ainda é lembrado como a celebração da individualidade, da contestação e da anarquia. Vivienne criou o visual do Sex Pistols e, por isso, tem sua parcela de responsabilidade sobre a criação do punk. Afinal, fashion never lies. A veia contestadora da estilista nunca se perdeu. E olha que o tempo é inexorável (como diz meu pai) e a realidade sempre acaba destruindo ideologias. Um dos mais recentes gritos de Vivienne Westwood, Be…

Leia mais
Doisélles, moda ética e sustentável

Doisélles: uma história cheia de pontos e nós

Por | Moda, Sustentabilidade | Sem comentários

Eu queria contar uma história. Dessas que nos fazem acreditar na humanidade outra vez, apesar de parecer piegas. Dessas que me fazem voltar a acreditar na moda novamente e não mais me ressentir dela, como tem acontecido. Uma história que precisa ser contada, porque une – assim como as agulhas do tricô fazem com a lã – a vontade de realizar algo novo com uma visão corajosa sobre o papel que todos nós precisamos ter, assim penso eu. A personagem da história é real. O que torna as coisas ainda mais bonitas. Seu nome é Raquell, que é bíblico e…

Leia mais